Seu Lugar no Mundo




Existe um lugar que é seu.

Ninguém pode ocupar. Somente você.

E ele vai continuar livre, até que você o ocupe. Não existe sobreposição.

Você começa a se aproximar dele quando passa a ser mais verdadeiro com você mesmo.

Quando canta a música no seu tom e no seu timbre.

Quando dança do seu jeito e no seu ritmo.

Quando desenha com as suas cores e com suas canetinhas

Quando escreve com as suas palavras e com a sua letra.

Quando para de tentar se encaixar no lugar dos outros e faz do seu jeito.

Vou te contar um segredo que provavelmente você já sabe.

Não adianta você querer ser igual as pessoas que você admira.

Você admira elas não pelo que elas fazem. Ou por quão incríveis elas são.

Você admira elas porque elas estão em seus lugares. Simplesmente isso.

Em um mundo onde tentamos ser iguais, pertencer e copiar o que os outros fizeram, ver alguém ocupando seu lugar é admirável. Gostamos disso.

Eu sinto isso quando escuto aquela pessoa com a voz doce cantando. Quando vejo o criativo criando. Quando vejo o cuidador cuidando. Quando vejo o espírito livre viajando. Quando vejo aquele cara que gosta de natureza no meio do mato. Quando escuto um músico tocando “no feeling” de olhos fechados.

Cada um tem seu lugar.

Não existe ninguém mais especial que o outro. Não existe ninguém mais talentoso. Não existem sortudos, escolhidos ou privilegiados. Somos todos iguais. Somos todos únicos. O que nos diferencia é o lugar que ocupamos.

Uma peça do quebra-cabeças de quina (aquela com dois lados retos) vai atrapalhar se estiver no centro. E uma peça de centro não encaixa na lateral.

E é exatamente isso que acontece hoje em dia.

Temos artistas em funções burocráticas. Temos pessoas doces e sensíveis bancando o gerente frio. Temos cuidadores longe das pessoas.

O mundo seria um lugar incrível se cada um ocupasse seu lugar. Formaríamos o mais belo quebra-cabeças do mundo.

E como podemos começar a mudar isso?

Já está mudando.

A mudança acontece quando você vai se aproximando do seu lugar.

Algumas pessoas já se encontraram. Agora devem permanecer lá.

Uma peça posicionada corretamente, no lugar certo, serve de referência para as demais peças.

Uma pessoa que encontrou seu lugar, ajuda outras que ainda estão tentando se encaixar a encontrarem. Dá segurança.

E é isso que estou tentando fazer aqui.

Permanecer no lugar que já encontrei.

Às vezes eu me movo. Eu duvido que seja assim tão fácil. Eu me desequilibro. Eu saio do meu eixo. Mas sempre acabo voltando ao mesmo lugar. Ao meu lugar.

E agora quero ficar aqui. Pra te ajudar a encontrar o seu. E quando você encontrar o seu lugar, sem fazer nada, vai ajudar os outros. Sem esforço. Sem tentar.

Apenas sendo você mesmo. Apenas ocupando seu lugar.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em Terra de "Egos", quem vê o outro é Rei

Você é um Trabalhador da Luz em Missão na Terra? Descubra!

Livro Corpo Fechado ~ Robson Pinheiro